Você está aqui: Página Inicial > INSTITUIÇÃO > Assessoria Internacional > Notícias > Gestores do Instituto Politécnico do Porto visitam o IFAM

Notícias

Gestores do Instituto Politécnico do Porto visitam o IFAM

Um grupo de 10 estudantes amazonenses já estão em Portugal para uma temporada de seis meses de intercâmbio.
por Ana Paula Batista publicado: 01/12/2015 09h06 última modificação: 01/12/2015 09h12

Na manhã desta sexta-feira, 16 de outubro, o reitor do Instituto Federal do Amazonas (IFAM), professor Antonio Venâncio Castelo Branco, recebeu a visita da presidente do Instituto Politécnico do Porto (IPP), Rosário Gambôa e do vice-presidente, Carlos Ramos, além dos representantes do Instituto Federal de Roraima (IFRR), de Rondônia (IFRO), pró-reitores e diretores gerais dos campi no Amazonas.

A visita da comitiva portuguesa fortalece as relações internacionais com os institutos federais da região Norte e proporciona novas oportunidades de mobilidade acadêmica para alunos e servidores.

Durante o encontro, o Instituto Politécnico do Porto (IPP) teve a oportunidade de expor a infraestrutura de suas escolas, cursos oferecidos em diversas áreas do conhecimento e centros de pesquisa. Durante seu discurso, o vice-presidente do IPP, destacou a importância da Rede Federal de Ensino Tecnológico no Brasil.

“É muito impactante ver como a rede dos Institutos Federais de Ensino é coesa e forte. A união entre os IFs faz com que todos estejam mais fortalecidos, diferentemente das universidades que representam a si mesmas. Se manter agregado é o ponto chave para o contínuo fortalecimento das ações”, disse Ramos.

Segundo a presidente do IPP, Rosário Gambôa, as relações humanas são fundamentais na formação acadêmica. “Acredito que a formação do estudante deve também ser pautada nos valores e compromissos sociais. É importante que a comunidade interna sinta-se responsável e comprometida uns com os outros”, ressaltou a presidente destacando que o Instituto Politécnico do Porto recebe mais de mil estudantes internacionais por ano.

E é pautado no compromisso de estreitar os laços com a comunidade onde o IFAM está inserido que o reitor professor Antonio Venâncio, destacou a dificuldade de levar educação de qualidade e gratuita aos locais mais distantes da capital.

“Promover a educação no Amazonas é um dos maiores desafios, em especial a educação profissional. A logística é um dos grandes entraves, já que nosso Estado possui dimensões continentais. Desta forma, nossa maior meta é consolidar o Instituto como instituição de Ensino, comprometido com o ensino, a pesquisa, a extensão e a interiorização da educação tecnológica e profissional no Amazonas”, salientou.

Os representantes portugueses seguem para o Reditec em Fortaleza, onde terão a oportunidade de alinhar outros detalhes do termo de cooperação na mobilidade acadêmica com outros reitores da região Norte.