Você está aqui: Página Inicial > CAMPUS > Campus Manaus - Zona Leste > Ensino > Medicina Veterinária

Medicina Veterinária

por Comunicação cmzl publicado 16/02/2018 15h08, última modificação 23/03/2018 14h30

O curso de Medicina Veterinária do IFAM Campus Manaus Zona Leste, tem por objetivo formar Médicos Veterinários habilitados ao exercício profissional nos campos de atuação em saúde animal e clínica veterinária; saneamento ambiental e medicina veterinária preventiva; saúde pública, inspeção e tecnologia de produtos de origem animal; zootecnia, produção e reprodução animal, ecologia e proteção ao meio ambiente, capazes de interpretar, analisar e aplicar os conhecimentos adquiridos em sua formação e os gerados pela comunidade científica e com atuação profissional pautada nos princípios da ética e da responsabilidade social.

INFORMAÇÕES GERAIS

Nível: Superior

Modalidade: Educação Presencial

Título após a conclusão do curso: Bacharel(a) em Medicina Veterinária

Duração do curso: 5 anos

Processo Seletivo: Anual

Vagas: 40

Turno de oferta: Integral

Dias letivos: Aulas de segunda a sexta-feira. (O sábado poderá ser utilizado conforme necessidade do curso ou caso seja estabelecido no Calendário Escolar da Instituição).

Horário: 08:00 às 17:00

Público Alvo: Concluintes do Ensino Médio.

PERFIL DO EGRESSO

A importância do Médico Veterinário no contexto social, econômico e político do país, como cidadão comprometido com os interesses e os permanentes e renovados desafios que emanam da sociedade, o percurso curricular do curso de Medicina Veterinária do IFAM foi idealizado reconhecendo como imperativo, a formação de um profissional com perfil generalista, conforme apregoa as diretrizes curriculares dos cursos de Medicina Veterinária, desenvolvendo sua responsabilidade com as vocações regionais, com a preservação dos ecossistemas amazônicos, de tal maneira que o desenvolvimento das atividades pastoris na Amazônia se processe priorizando as fases da vida e sem comprometer o futuro do homem, dos ecossistemas e da humanidade.

Concomitante, é notório o relevante e irrecusável compromisso da Medicina Veterinária regional com a produção de alimentos, saúde animal e saúde coletiva, bem como na geração de riquezas e melhoria da qualidade de vida da população local. Este perfil encontra-se em consonância com as diretrizes curriculares estabelecidas pelo MEC para o perfil profissional do Médico Veterinário no Brasil.

A profissão de Médico Veterinário oferece um grande número de opções de áreas de atuação, com ênfase primordial nas seguintes áreas de atividades profissionais, conforme estabelecido na Lei nº 5.517 de 23 de outubro de 1968 que versa sobre o exercício da profissão, o qual reza em seu capítulo 2º, artigo 5º:

a. Prática da clínica de animais em todas as suas modalidades;

b. Direção de hospital para animais;

c. Assistência médica aos animais utilizados em medicina experimental;

d. Direção técnico sanitária dos estabelecimentos industriais, comerciais, de finalidades recreativas, desportivas, de serviço de proteção e de experimentação, que mantenham, a qualquer título, animais ou produtos de origem animal;

e. Planejamento, direção, coordenação, execução e controle da assistência técnica sanitária aos animais, sob qualquer título;

f. Inspeção e fiscalização sob os pontos de vista higiênico, sanitário e tecnológico dos produtos de origem animal e dos matadouros, matadouros frigoríficos, charqueadas, fábricas de conserva de carne e de pescado, fábricas de produtos gordurosos que empreguem como matéria prima produto de origem animal, no todo ou em parte, usinas, fábricas e postos de laticínios entrepostos de carne, leite, peixe, ovos, mel, cera e demais derivados do reino animal, assim como inspeção e fiscalização dos estabelecimentos comerciais que armazenem ou comercializem os produtos citados nesta alínea;

g. Identificação de defeitos, vícios, acidentes e doenças, peritagem e exames técnicos sobre animais e seus produtos, em questões judiciais;

h. Perícia, exame e pesquisa reveladora de fraude ou intervenção dolosa nos animais inscritos nas competições desportivas e nas exposições pecuárias;

i. Ensino, planejamento, direção, coordenação, execução técnica e controle da inseminação artificial;

j. Regência de cadeiras ou disciplinas especificamente médico veterinário, bem como direção das respectivas seções e laboratórios;

k. Direção e fiscalização do ensino de medicina veterinária;

l. Direção e fiscalização de estabelecimento que objetiva exclusivamente a preparação de técnico de nível superior ou médio para a industrialização de produtos de origem animal;

m. Organização de congressos, seminários, simpósios e comissões destinadas à discussão e estudo de assuntos relacionados com a atividade de médico veterinário, bem como representação de órgãos públicos e entidades privadas, junto aos mesmos;

n. Assessoria técnica do Ministério das Relações Exteriores no País e no estrangeiro, em assuntos relativos à produção e a indústria animal;

o. Funções de direção, assessoramento e consultoria, em quaisquer níveis da administração pública e do setor privado, cujas atribuições envolvem, principalmente, aplicação de conhecimentos inerentes à formação profissional do médico veterinário.

DOCUMENTOS

CORPO DOCENTE DO CURSO

MATRIZ CURRICULAR

PLANO PEDAGÓGICO DO CURSO

GESTÃO DO CURSO

Coordenador: Eduardo Lima de Sousa

Telefone: (92) 98435-3115

E-mail: 

Currículo Lattes: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4137059D0