Pesquisa

A Coordenação de Pesquisa e Inovação (CPI) foi instituída no Campus Lábrea no ano de 2010, desde então, como forma de ampliar o acesso e a integração do estudante à cultura científica este setor tem visado à constante expansão da cota de bolsas de iniciação científica, pois é defensora do princípio de que a pesquisa é um mecanismo de desenvolvimento do pensar cientifico e da criatividade.

FOTO SITE PESQUISA.JPG

Atualmente são ofertadas bolsas de iniciação científica júnior para estudantes do Ensino Médio cujos recursos são oriundos da Pró-Reitoria de Pesquisa Pós-Graduação e Inovação (PPGI) e também do Conselho Nacional de Pesquisa (CNPq). Os editais são lançados geralmente no primeiro semestre de cada ano letivo no qual os bolsistas contemplados recebem uma bolsa pesquisador que tem a duração de 12 (doze) meses.

Para se tornar um bolsista o estudante deve procurar, em sua área de interesse, um orientador que esteja disposto a integrá-lo à sua pesquisa e a orientá-lo. Além do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica Júnior – PIBIC Jr, o estudante pode se vincular a pesquisa como voluntariado, Neste caso, as atividades de pesquisa são desenvolvidas sem o recebimento de bolsa.

As ações da Coordenação de Pesquisa do Campus Lábrea (CPI) não estão restritas ao processo de implementação das bolsas de iniciação científica em consonância com a Direção Geral. Realiza-se uma seleção interna de projetos de pesquisa aplicada à inovação tecnológica com o objetivo de apoiar e incentivar a pesquisa interna no campus.

A CPI promove dois eventos de divulgação científica anualmente: o Seminário de Iniciação Científica – IC do Campus Lábrea que tem por objeto socializar as pesquisas desenvolvidas no Instituto, esse evento aberto para toda a comunidade acadêmica bem como para a sociedade em geral ocorre no mês de Abril, neste o pesquisador júnior passa por uma avaliação parcial referente aos seis primeiros meses de execução do projeto por meio de apresentação oral.

            O segundo e principal evento de divulgação científica do campus ocorre em outubro durante a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia – SNCT do IFAM Campus Lábrea.  Esse evento tem com objetivo popularizar a ciência no município e região, o campus abre as portas à comunidade labrense, às universidades, e outras entidades públicas instaladas no município onde estas participam de palestras, oficinas, minicursos, mostras culturais e cientificas, apresentação das pesquisas nas modalidades orais e em formato de banner.

 

A CPI e DG tem incentivado a participação dos docentes e discentes em eventos científicos, tanto local, quanto estadual e em outras regiões do país, para a divulgação de resultados de pesquisa, bem como, para a troca de experiência entre pesquisadores, com o intuito de fortalecer as pesquisas realizadas no campus Lábrea.

Esse setor também incentiva os pesquisadores para que concorram a editais de instituições de fomento (CNPq, FAPEAN entre outros) para captação de recursos e financiamento de pesquisas em diversas áreas.  É uma forma de estruturar o campus e melhorar a qualidade das pesquisas.  

 

Contatos:
Coordenação de Pesquisa e Inovação
Prof. Arquimar Barbosa de Oliveira
E-mail: cpi.cla@ifam.edu.brarquimar.oliveira@ifam.edu.br